Sapiossexualidade

Sapiossexualidade – Curto e Grosso

Sem tempo de fazer um post mais elaborado, e sem a mínima paciência de ficar falando daquilo que estava na cara que iria acontecer com o Brasil e surpreso com algumas vozes que se calaram ou estão desconversando sobre as perspectivas para o nosso pais, resolvi introduzir um assunto (tenho alguns posts preparados meio “fora do eixo”) para estes momentos… após 100 posts publicados, acho que posso.

O que é

Um tal Darren Stalder evoca para si a inventado da expressão Sapiossexual, no final do milênio passado.Uma escritora erótica, Kayar Silkenvoice, teria criado o domínio Sapiosexual.com em 2005 (não se sabe se procede pois uma pesquisa básica não mostra o domínio hoje e nem NUNCA).

O certo é que alguém colocou isto na rede e significa que existem pessoas que gostam das outras, sexualmente falando, independente de gênero, pela sapiência (esta vocês conhecem) do interlocutor ou ídolo.

Lero Lero

Particularmente, acho uma porralouquice. Gostar de outra pessoa, sexualmente, por causa da inteligência, parece coisa de rede social lotada de sociopatas.

A tal da Silkenvoice  (@silkenvoice no Twitter) diz que estas pessoas adeptas (será este o termo) não repudiam a beleza, a burrice sim. A inteligência é um atrativo excepcional e superior que substitui qualquer outro atributo, principalmente com objetivos sexuais. Comecei a ler uns textos dela e outros traduzidos. Acho que é mais Uma destas ações para jogar conversa fora.

Dicas

São algumas dicas para as pessoas que podem ser, tem potencial ou imaginam conquistar sexulamente as outras via a sapiossexualidade:

  1. Procure conhecer assuntos diferentes
  2. Escolha programas culturais
  3. Mostre inteligência emocional

Deve ser por isso que a noiva do ator da Globo olhava para o Padre Fábio Melo com aqueles olhares. Pecado original.

Na boa? Por isso a Playboy quebrou !!!

Imagem: Reprodução Internet

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.