Doe Sangue, Doe Vida

Doe sangue, doe-se, doe vida

Doação é mais do que uma forma de ajuda. Doação é uma forma de amor.

A compreensão do significado de uma doação, desde a mais comum doação de sangue até complexas doações de órgãos em vida, passando pelas traumáticas doações de pessoas queridas falecidas, não é fácil.

De repente vemos pessoas próximas a nós em situações difíceis e ficamos numa posição estéril sem saber o que fazer, sem saber se podemos ser doadores, sem entender como funciona o processo de doação em cada especialidade.

Meu primeiro post neste blog pessoal começava com estes parágrafos anteriores. Após 150 posts volto aqui com o mesmo conteúdo, e voltarei muitas outras vezes com o mesmo propósito.

Neste momento reitero um pedido de doação de sangue, para meu irmão de sangue. Ele precisará de todas as doações quanto possíveis para que continue com seu tratamento.

Peço também que todos que leem este post e puderem compartilhar, será de muita ajuda. Adicionalmente, recomendo que todos trabalhem com a ideia de entender e pensar sobre o assunto doação. Seja de órgãos, de medula, de sangue. Doar é permitir vida para um próximo. Os bancos de sangue estão passando por insuficiência de doadores. Mesmo que você não possa doar para meu irmão, procure um banco de sangue mais próximo e ajude a quem precisa.

Doação de sangue (Qualquer tipo)

Carlos Henrique de Oliveira (paciente do Hospital Mater Dei)

Banco de Sangue

O Banco de Sangue recebe doações para pacientes que estão internados no hospital. A doação pode ser realizada para paciente específico ou voluntário para o banco de sangue.

Telefone: (31) 3295-4584

Horário: 8h às 13h, segunda-feira a sábado (sábado, somente com agendamento prévio pelo telefone).

Endereço: Rua Juiz de Fora, 861, Barro Preto – Belo Horizonte.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.