Vida de Moderador

Vida de Moderador em Redes Sociais

Bons Tempos

Reconheço que, a princípio, é extremamente embaraçoso e até mesmo constrangedor, quando temos que rememorar fatos e intercorrências antigas. Por vários motivos, dá a impressão que estamos usando a falácia do “apelo à autoridade“. Contudo, de certa forma, é uma exortação à experiência, como no tema deste texto (a vida de moderador). As agruras que os moderadores de grupos em redes sociais e tudo que vivemos quando assumimos alguma função, da mesma forma, chega a ser prejudicial à saúde mental.

Sou do tempo de IRC (Internet Relay Chat) ou mIRC, portanto pode ser considerado um tataravô destas redes sociais de hoje como os grupos do Facebook. Listas de discussão, salas de bate-papo e um monte de serviços que existe hoje, ou que foram extintos como no caso do Orkut, não são novos como muito neófito imagina, mudaram só a cor e a forma de apresentação.

E nestes serviços, se não tem moderador ou um administrador, não existe continuidade, respeito e inteligência. Imaginar que estes serviços são criados, crescem e proliferam ou viralizam espontaneamente é o mesmo que acreditar em Saci-pererê.

Orkut

Aqui um destaque para a rede social que fez explodir o uso e adesão de milhões de pessoas.

O que seria do Orkut uma vez que não conseguisse cativar um moderador?

Em suma, entendo que a vida de moderador de redes sociais tem duas fases: Antes do Orkut (AO) e Depois do Orkut (DO).

Redes Sociais

Vida de moderador de conteúdo em redes sociais tornou-se uma atividade ingrata. Quem é seu amigo, sai por não concordar com as coisas que você tem que fazer, quem é seu inimigo permanece para provar que tem razão.

Conheço todos os tipos, tem canalha de tudo quanto é espécie e, como se não bastasse, o pensamento do filósofo acertou na mosca.

Redes Sociais - Por Umberto Eco

Redes Sociais – Por Umberto Eco

A vida do moderador complicou muito com as pessoas tendo acesso a redes sociais a partir de um simples telefone celular e wi-fi. E administrar conteúdos e egos ficou impossível. Quando vejo algum imbecil criticando trabalho de moderador, fico imaginando aquele ser humano administrando um dia uma rede qualquer à minha escolha. Dá vontade de entrar no grupo que ele administra e mostra com quantos paus se faz uma canoa, decerto não aguentam meia dúzia de posts.

Tenho experiências maravilhosas, conheci pessoalmente muitas pessoas interessantes, inteligentes e que fazem valer a pena e os sacrifícios vividos por moderadores e administradores de rede. Por outro lado, uma minoria de imbecis, colocam tudo a perder. Sem nominar os psicóticos, tenho muitos casos de decepções e até mesmo de crimes que alguns cometem. Já fui roubado, já tive conteúdo de sites destruído e roubado, já passei muita raiva e até administro blog de racista, sexista e idiota imbecil.

Crime da Vida de Moderador

Conheço pessoas que, certamente, abandonaram redes sociais e entregaram os pontos por não suportar a quantidade de assédio (tipo bullying) de atitudes relacionadas a grupos e redes sociais. Sou testemunha (ipsis literis) de chantagistas e canalhas fazendo o que não conseguem fazer no mundo real, contra as pessoas no mundo virtual.

É provável que processos criminais cujo objeto tenha relação com causas de tecnologia e crimes cometidos via redes sociais e Internet superarão causas como as trabalhistas. São crimes como os que existem nas varas criminais, mas exigem uma tipificação e condenação exemplar.

A esperança que resta é com a lei sendo revista e aplicada em seus rigores, torne a vida de moderador mais fácil e estes sociopatas sejam devidamente enquadrados. A permissividade que vemos hoje, em outras palavras, escondida atrás do “liberdade de expressão” e outros chavões de gente bandida de rede social, tem que ter um fim.

Vamos aguardar !

 

Imagem: Hurriyet.Com.Tr

 

Nota do Autor

Reitero, dentre outras, o pedido feito em muitos textos deste blog e presente na página de “Advertências“.

  • Observações, sugestões, indicações de erro e outros, uma vez que tenham o propósito de melhorar o conteúdo, são bem vindas.
  • Coloquem aqui, nos comentários, ou na página do Facebook,associada a este Blog.
  • Alguns textos são revisados, outros apresentam erros (inclusive ortográficos) e que vão sendo corrigidos à medida que tornam-se erros graves (inclusive históricos).
  • Algumas passagens e citações podem parecer estranhas mas fazem parte ou referenciam-se a textos ainda inéditos.

Agradeço a compreensão de todos e compreendo os que acham que escrevo coisas difíceis de entender, é parte do “jogo”.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.