Damocles Sword

Golpes mortais

31 de março de 1964

Esta data não tem nada de simbólica. Para alguns poucos, é chamada de data da revolução. Data em que foi institucionalizado um Golpe de Estado. Anteciparam a data para não cair num 1o. de Abril, que poderia ocasionar algum tipo de convulsão e desordem institucional da sociedade. Já imaginaram? Golpe sendo anunciado no rádio e na TV num primeiro de abril? E ainda não exista a Rede Globo…

31 de março de 2017

Cinquenta e três anos depois, o golpisto (aquele que assumiu um cargo a mando de terceiros sem que houvesse motivo plausível e honesto para tal) resolve repetir o ato golpista na mesma data. Não quis esperar que emendas ou ressalvas (as salvaguardas que protegeriam os trabalhadores) fossem introduzidas na “lei de terceirização” e, desta forma, foi sancionada a lei contrabandeada de um PL desarquivado.

Espada de Dâmocles

Embora não seja uma situação parecida, mas fiquei Pensando na história da Espada de Dâmocles onde um serviçal bajulador, endeusava e puxava saco do rei Dionísio, tirano de plantão. O bajulador teve a oportunidade de ser “rei” por um dia, mas com uma espada sobre a cabeça, pendurada por um fio. É esta a situação do trabalhador após aprovação de leis e mais leis que retiram direitos e precarizam o trabalho. Mais mortes, mutilações, precariedade certamente virão. Seja para os terceirizados ou para os trabalhadores fixos que terão seus grilhões renovados até completarem 65 anos (se começarem a trabalhar com 15 anos).

E ainda aparecerem os Dâmocles da vida achando que estão se dando bem. Tolos !

É golpe dentro de golpe. Todos golpes mortais. Dos mesmos contra os mesmos de sempre.

Reprodução: The Millennium Report

 

Pedido de Doação

Meu irmão está precisando, URGENTEMENTE, de 10 (DEZ) doadores de sangue (qualquer tipo e fator), só assim ele, e muitos outros, conseguirão prosseguir com o tratamento e ter esperança numa melhoria e retomada da normalidade.

Carlos Henrique de Oliveira (paciente do Hospital Mater Dei)

Banco de Sangue – Hemoter

O Hemoter recebe doações para pacientes que estão internados em diversos hospitais. A doação pode ser realizada para paciente específico ou voluntário para o banco de sangue.

Telefone: (31) 3295-4584

Horário: 8h às 13h, segunda-feira a sábado (sábado, somente com agendamento prévio pelo telefone).

Endereço: Rua Juiz de Fora, 861, Barro Preto – Belo Horizonte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.