Futebol Magia - Joan Gamper -Barça x Chape

A magia do futebol

Magia do Futebol

Adoro futebol por um simples motivo, é mágico. A magia do futebol que não se vê em nenhum outro esporte coletivo e muito menos individual. Ainda que o tema motivacional deste texto seja sobre uma tragédia, é magia.

Acompanhei, anteriormente, durante muito tempo estes “torneios de verão” na Europa que davam início às temporadas e que eram famosos no mundo pelas premiações e pelas participações. Teresa Herrera, Ramón de Carranza, Torneio de Madri eram os mais famosos, especialmente os dois primeiros citados e, certamente. a Espanha sempre abrigou os melhores.

Enfim, era mágico, para um time brasileiro, ganhar estes torneios; troféus belíssimos, jogos épicos e craques maravilhosos. O Cruzeiro tem em sua galeria troféus de alguns. Na Espanha ganhou: La Coruña (1975), Villa de Madri(1976), Cidade de Vigo (1978), Santander (1982), Zaragoza (1982), Valladolid (1982), Alicante (1986), Pamplona (1986). Bons tempos, alguns saudosistas diriam: “o futebol acabou“. Entretanto, concordo em partes, virou business, bilhões, como quase todas as modalidades esportivas. Certamente, a paixão, a magia, está se acabando, pouco a pouco, não temos mais craques e ídolos para colecionar figurinhas ‘carimbadas”.

Joan Gamper

Neste momento, acompanhando a partida valendo troféu, no Camp Nou; Barcelona contra a Chapecoense. Surpreendentemente, um convite excepcional do Barça para abertura da sua temporada;  uma festa, a magia do futebol.

Troféu Joan Gamper é um torneio internacional de futebol interclubes, de caráter amistoso, disputado anualmente desde 1966, na cidade de Barcelona (Catalunha).

O torneio é organizado pelo Futbol Club Barcelona e realizado sempre na segunda quinzena de agosto, no Estádio Camp Nou, marcando o início da temporada de futebol na Espanha. Seu nome é uma homenagem ao fundador e primeiro presidente do clube, o suíço Hans-Max Gamper Haessig (1877-1930), que, na Catalunha, ficou conhecido como Joan Gamper.

(Fonte: Wikipedia)

Por mais que eu tente, não lembrei de ter acompanhado troféu Joan Gamper. Decerto, pensei que era um pretexto para o Barça mostrar seu time, ganhar troféu quase vitalício e humilhar adversários. Passei a prestar atenção quando o Santos, “de Neymar”, resolveu ser convidado e tomou uma tunda histórica. Se bem que foi inesquecível ver a empáfia do time da Vila Belmiro diante do massacre inapelável.

Chape e a “magia do futebol”

Do mesmo modo, vemos a Chapecoense, em clima de celebração da vida, numa emoção bastante compreensível, desfilar ex-jogadores cruzeirenses, diante do Barça do extraterrestre Messi, valendo troféu, no Camp Nou.

Wellington Paulista, Apodi, Arthur Moraes, Fabrício Bruno e Diego Renan, são jogadores que atuaram pelo Cruzeiro com performances menos do que sofríveis. Agora estão no Camp Nou, diante de Messi e cia e, certamente, sofrendo uma derrota inapelável (pra falar a verdade, vejo que o Barça tá treinando leve, muito leve). Comandados, inopinadamente, pelo Vinícius Eutrópio, vão se esforçando no treino de luxo com transmissão para todo o mundo.

Magia do futebol !

Reafirmo que só o futebol pode isto. Não fico feliz se a Chape sofrer oito, nove ou dez gols como sofreram os “poderosos” Santos e Boca. Mas fico feliz em ver que algumas destas iniciativas nos permite sonhar e reviver algo que está sendo jogado fora.

Contudo, sem querer parecer piegas, Alan Ruschel merece todas as homenagens.

 

P. S.

Este texto foi revisado em agosto de 2020. três anos após a sua publicação. Uma empresa (PIC RIGTHS Brasil0 no uso das atribuições que lhes foi concedida por agência de fotografia (France Press), através de seu software de busca por dinheiro, resolveu atuar e me notificar por uso indevido de imagem. Não leram nenhum disclaimer (#Vale Lembrar n. 2) e mandam mensagens ameaçadoras. Enfim, achaque em nome da legalidade é o nome da ação, a imagem foi retirada e segue o “jogo sujo” e perde-se a magia do futebol.

 

Imagem: Reprodução Internet

 

Nota do Autor

Reitero, dentre outras, o pedido feito em muitos textos deste blog e presente na página de “Advertências“.

  • Observações, sugestões, indicações de erro e outros, uma vez que tenham o propósito de melhorar o conteúdo, são bem vindas.
  • Coloquem aqui, nos comentários ou na página do Facebook, associada a este Blog, certamente serão todos lidos e avaliados.
  • Alguns textos são revisados, outros apresentam erros (inclusive ortográficos) e que vão sendo corrigidos à medida que tornam-se erros graves (inclusive históricos).
  • Algumas passagens e citações podem parecer estranhas mas fazem parte ou referenciam-se a textos ainda inéditos.

Agradeço a compreensão de todos e compreendo os que acham que escrevo coisas difíceis de entender, é parte do “jogo”.

 

2 comments for “A magia do futebol

  1. ernani
    07/08/2017 at 20:25

    Realmente uma bela festa. Pena a chape ficar entusiasmada com o glamour e esqueceu de marcar de jogar bola. O time catalão tomava e bola e jogava com tanta facilidade que parecia magica mesmo. Mas era ruindade e pouca aplicação tatica;

    • 07/08/2017 at 20:35

      A festa foi magia. Entretanto, a Chape não tinha, não tem e nunca terá estrutura par enfrentar um Barça. Creio que já passou da hora da Chape cair na real. Se conseguirem manter-se na 1a divisão neste ano será uma grande conquista. Deveriam focar nisto. Passou da hora de homenagens e ilusionismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.