Reforma Politica e Distritão

E os golpistas implementam o distritão

Distritão Já

Golpistas não se envergonham. Ao constatarem que a opinião pública não aprova o golpista que colocaram de plantão, foram ágeis em reprovar proposta de reforma do sistema eleitoral e aprovar o Distritão (mais uma palavrinha maldita eivada de triplos sentidos).

Desta vez, o golpe aconteceu na comissão especial da Câmara que analisa a reforma política, e que aprovou na calada da noite (madrugada desta quinta-feira) um destaque que modificou o texto-base que havia sido aprovado na noite anterior e que remetia às regras leitores conforme Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03 (03 aqui refere-se a 2003, 14 anos atrás quando foi proposta a reforma).

Golpistas

Como não poderia deixar de ser, os golpistas tiveram 17 votos contra 15 dos que haviam aprovado o texto proposto para a PEC. Eles são do PMDB (os caciques), com apoio das bancadas do DEM, do PSDB, do PSD e do PP e o aprovaram o modelo chamado distritão, que seria um modelo de transição ao distrital misto (proposto na PEC), que pode ser implementado a partir de 2022. Manteve-se a necessidade de regulamentação pelo Congresso, ou seja, casuísmos em aberto.

Mudanças profundas

Esta mudança, válida, a princípio, para 2018 e 2020, vai provocar uma mudança radical no Congresso. É o veto explícito aos pequenos partidos. É a manutenção dos caciques nos partidos médios e grandes. É a perpetração de partidos nanicos baseados em UM candidato que vende sua sigla para quem estiver no poder.

Engana-se quem vai atrás do discurso que é “transição” ou de que manteve-se os princípios. Caso esta mudança seja aprovada em todas as instâncias, o TSE vai adorar. Acaba-se a proporcionalidade. Reduz a pó o voto de legenda, o eleitor terá que escolher um candidato, muda-se a lógica eleitoral vigente e acaba-se com partidos. O indivíduo será eleito em 2018 e 2020. E estes mesmos eleitos em 2018 e 2020 farão as novas regras.

E tem eleitor achando que estamos evoluindo. Os golpistas vendo a confusão que poderiam se meter já em 2018, cuidaram de garantir suas reeleições. E tem bravateiro de rede social conclamando a não reeleger ninguém. Estou subindo a minha cota de reeleitos para Câmara e Assembleia para 70%. O golpe se aprofunda.

Fundo Público

E tem mais, foi aprovado um Fundo Público de R$ 3,6 bilhões para financiamento de campanha. Claro que estas mudanças aprovadas precisam passar pelo crivo e votação do Senado e da Câmara. Alguém tem dúvidas sobre a aprovação?

Charge: Flávio (Tribuna da Internet)

Pedido de Doação

Meu irmão está precisando, com URGÊNCIA, de doadores de sangue (qualquer tipo e fator). Só assim, ele e muitos outros pacientes que precisam de hemoderivados, conseguirão prosseguir com seus tratamentos. E poderão ter a esperança de uma melhoria e retomada da normalidade em suas vidas.

#DoeSangue

Carlos Henrique de Oliveira (paciente do Hospital Mater Dei)

Hemoter – Banco de Sangue

Hemoter recebe doações para pacientes que estão internados em diversos hospitais. A doação pode ser realizada para paciente específico ou voluntário para o banco de sangue.

Horário: 8h às 13h, segunda-feira a sábado (sábado, somente com agendamento prévio pelo telefone).

Endereço: Rua Juiz de Fora, 861, Barro Preto – Belo Horizonte.tão internados em diversos hospitais. A doação pode ser realizada para paciente específico ou voluntário para o banco de sangue.

Telefone: (31) 3295-4584

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *