Movimento Negro - Junião

Movimento Negro e os Beócios

Redes Sociais

O Movimento Negro, acima de tudo, tem sofrido desde as Capitanias Hereditárias. O mundo acabou e as redes sociais não prestam para nada que seja útil. Entretanto, existem perfis, páginas e grupos nas redes sociais que são socialmente úteis e até com certa inteligência coletiva. Muitas corporações e até pessoas físicas tem evoluído e avançado com as redes sociais.

Muitos grupos e movimentos poderiam avançar mais e evoluir. Entretanto, a ignorância e o analfabetismo social, funcional e digital atravancam o crescimento dos outros. E fica pior, a mídia se apropria das tecnologias digitais e ficam a serviço das oligarquias.

Movimento Negro

Desse modo, como escrevi o movimento negro tem sido torpedeado e sofrido um retrocesso secular nas redes sociais. Dizem que, ´… Casa Grande surta quando a Senzala aprende a ler e escrever… `, mas não é bem assim. A princípio, falar em cotas e direitos históricos dos negros é sempre falar ao vento. Se bem que, fica muito pior, quando encontramos muitos negros, a serviço de déspotas e oligarquias, negando a raça.

MBL

O tal Movimento Brasil Livre (MBL) aproveitou-se dos golpistas (fica difícil saber se usaram os golpistas ou foram usados). Mostraram a sua cara, uma vez que, com faixas e cartazes de “Somos todos Cunha”, apareceram para incautos. Fizeram marcha à Brasilia e tudo mais que tinham direito (muita falsidade!). O ídolo Cunha, agora ex-deputado e encarcerado, conseguiu bons acordos por baixo dos panos com Moro na Lava-jato e livrou a cara da esposa bandida.  Nesse meio tempo, os patos amarelos e laranjas do MBL elegeram vereadores e esconderam as faixas e cartazes.

Além disso, outro assunto que o MBL se intrometeu foi com o Movimento Negro. O tal de Holiday, um negro fake, não satisfeito e falar merda, ainda ofende a inteligência dos negros. E vive, junto com o Kataguiri, defendendo a perda do direito dos trabalhadores.

Deve ser da lavra dele a tentativa de resgate de Luis Gama para contrapor e refutar o reconhecimento de Zumbi dos Palmares como representante da luta dos negros no Brasil.

Um amigo me disse: “… Ainda bem que este Holiday preferiu Luiz Gama ao invés de retomar a Princesa Isabel…”

Questões pertinentes

Será que, eventualmente,  este povo sabe do que estamos falando?

Será que os beócios do MBL, nem que seja por analogia, sabem o que estão escrevendo?

Será que os idiotas que compartilham coisas do MBL tem noção, conforme a história e realidade?

Será que os opositores da política atuam e acordo com estes beócios do MBL?

Desse modo, desconfio que a maioria não sabe nem pesquisar na Internet com o Google.

Zumbi dos Palmares

Teria nascido na região da Serra da Barriga (PE) em 1655 e morrido em 1695. Em seus quarenta anos de vida, foi piorneiro na resistência contra a escravidão e um dos últimos a cair no Maior dos quilombos do Brasil Colônia, muito antes da Princesa Isabel, que assinou a tal Lai Áurea e foi viver tranquilamente na Europa.

Luis Gonzaga Pinto da Gama

O soteropolitano Luis Gama foi um rábula, orador, jornalista e escritor. Filho de uma negra liberta e um branco, foi feito escravo aos dez anos de idade e permaneceu analfabeto até os 17 anos. Qualquer semelhança com negros de hoje em dia é somente mera coincidência. Conquistou, judicialmente, sua liberdade e lutou defendendo outros cativos.

Luis Antônio da Gama e Silva

O paulista Luis Gama foi jurista, professor de Direito e reitor da USP,  Redator-Chefe, Juiz de Tribunal de COntas e Ministro da Justiça no governo de Artur da Costa e Silva. Foi juiz da Corte de Haia (pobre Ruy Barbosa) e Embaixador. Destarte, sua “grande obra” foi a elaboração de lista de professores universitários que seriam exonerados e processados e a redação do malfadado Ato Institucional nº 5, baixado em 13 de dezembro de 1968. Foi quem fez a locução do Ato.

Beócios

Anteriormente, num estudo que fiz para compor este post, não identifiquei o uso normal desta palavra no feminino.  Entretanto, vou usar uma frase de uma mulher para provar que a adjetivação beócio(a) pode ser usada no feminino.

 

"Infelizmente o movimento negro, alinhado a partidos de esquerda, 
prefere cultuar uma figura abjeta de nossa história ao invés de 
Luís Gama, merecedor de toda a estima. 
Tudo para criar uma estória fantasiosa em torno de Zumbi que simule 
a famigerada luta de classes ou coisa parecida.

Quero reabilitar a figura de Gama como exemplo verdadeiro de luta 
e vitória contra o racismo, afinal merecemos bons exemplos e 
referências."

Pensamento copiado da beócia Aidê Vasconcelos (Aline)
(Compartilhadora e seguidora do MBL)

Fim do Mundo

Enfim, eu não sei se é ignorância ou tudo foi premeditado. Desprezar Zumbi dos Palmares, compará-lo com Luiz Gama (sabe-se lá com qual dos dois) é desprezar o Movimento Negro. Portanto, é compreensível que um negro, pardo, mameluco, mestiço ou qualquer outra raça, se omita ou se cale nesta discussão.  Entretanto, lamento, acima de tudo, que negros entrem neste tipo de debate menosprezando quem luta contra discriminação e preconceito.

Fico pensando qual Luis Gama os seguidores do MBL adoram e seguem, uma vez que o do AI 5 nem negro era. Gente do MBL não teria a capacidade de se passar por integrantes do Movimento Negro (muito menos o Holiday). Surpreendentemente, vejo gente da pior espécie se dizendo “jovens”, conservadores e de direita. Será que eles sabem qual dos Luís Gama estão defendendo. Sabem o que é o Movimento Negro?

O Movimento Negro precisa desmascarar este povo. Mas como fazê-lo se, a cada dia, mais e mais idiotas compartilham as coisas sem estudar? Não sabem ler e muito menos possuem formação para escrever sobre qualquer assunto, mas te milhões de tele-seguidores guiados.

Tá ficando impossível !

 

Charge: Junião

 

P. S. – Reitero também o pedido feito na página de “Advertências” deste espaço virtual. Observações, sugestões, indicações de erro e outros, uma vez que tenham o propósito de melhorar o conteúdo, são bem vindas. Coloquem aqui nos comentários ou na página do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.