Bate e Volta - Bicame - Catas Altas (MG)

Passeio bate e volta a partir de BH (98)

Bate e Volta

Inspirado em um artigo de um site cultural sobre Minas Gerais, resolvi recomendar roteiros de passeio, denominados passeios bate e volta. Atividade que pode ser realizada em um ou dois dias, com puro lazer e cultura. Adequado para  sair cedo de casa, almoçar e voltar ao final do dia. Em determinados casos, fazer um pernoite e voltar no dia seguinte. Passeios para gastar pouco,se feitos num mesmo dia, são motivadores.

No início desta trilha de posts, as dicas eram para localidades até 150 km distantes de BH. Com o passar do tempo, o interesse e as informações sobre lugares mais distantes foram surgindo. Após a meta de 50 opções de passeios,lugares mais distantes estão sendo contemplados.

Estes posts terão espaço próprio com projeto de apoio ao turista de um dia ou de final de semana. Os amigos(as) que estão acompanhando, aprovaram e tem ajudado de maneira significativa.

Bicame

substantivo masculino
  1. 1.
    B calha de madeira, telha, meia-cana etc., por onde corre água.
  2. 2.
    min MG leito artificial de madeira com que se desvia o fluxo de um rio ou riacho para permitir a mineração no seu álveo primitivo.

Nas antigas construções coloniais conduzia a águas de forma aparente. Frequentemente feito de madeira ou telhas. Em Minas Gerais, as ruínas de aquedutos que serviam a garimpos ou para servir com água lugares distantes dos cursos de córregos ou riachos te trechos preservados. Este lugares são referência histórica e cultural de vários trechos e localidades no circuito denominado Estrada Real e opções de passeio bate e volta.

Catas Altas

Catas Altas é uma daquelas cidades bem pequenas, típicas do interior mineiro. Como quase todas as outras ligadas ao circuito denominado “Estrada Real”, parou no tempo. Sua maior atração é um pouco fora da cidade, o Santuário do Caraça. Pequena cidade, criada no ´seculo XVIII, desmembrada recentemente da histórica Santa Bárbara, na região denominada Circuito do Ouro, composto de 17 municípios. O passeio foi sugerido no início da série com ênfase no Santuário do Caraça.

A cidade possui infraestrutura de alimentação e hospedagem simples. Cidades próximas de Barão de Cocais e Santa Bárbara oferecem opções de passeio e complementam as possíveis necessidades. O acesso é feito por rodovias pavimentadas. Saindo de BH a menor distância é pela BR 381, passando por Caeté. Certifique-se que não há problemas entre BH e Caeté pois em feriados a estrada fica insuportável. Neste caso, passar por Ouro Preto e Mariana aumenta consideravelmente o trajeto mas o trecho é belíssimo. As intermináveis obras de duplicação da BR 381 recomendam o passeio via Ouro Preto e Mariana. Quando o trecho até São Gonçalo do Rio Abaixo estiver concluído, o acesso será rápido e seguro, até lá, evite dores de cabeça para um simples passeio bate e volta que pode ficar complicado.

Bicame de Pedra

Distante 12 Km do município de Catas Altas, as ruínas de um grande aqueduto de pedra, construído para atender a mineração, mas que, certamente, atendia à população está preservado numa extensão de pouco mais de 100 metros. Num portal central existe uma inscrição datada de 1792. Os registros históricos não definem com exatidão o início da construção, período de utilização e nem paralisação. A existência de  uma escadaria, incrustada numa das laterais, de maneira bastante pitoresca, permite que os visitantes subam para a parte superior do aqueduto. A visita ao Bicame de Pedra e redondezas pode ser feita a partir da cidade como bate e volta rápido.Bicicletas preparadas para atividade de trekking são o meio de transporte mais apropriado (não é recomendável para crianças abaixo de 15 anos) ou realizado com veículos motorizados que possam transitar em estradas de pedra e caminhos irregulares.

Como Chegar

Saindo de BH são 120 km, observadas as condições da rodovia, indo pela BR 381 (sentido ES) até o trevo de Itabira, sai da rodovia no trevo de Barão de Cocais, seguir pela MG 129 por 12 km até Catas Altas. Com alternativa é possível ir ou voltar passando por Ouro Preto e Mariana saindo de BH pela BR 040 (sentido RJ).

A ida de trem é uma alternativa interessante mas que exige gastos adicionais e não se tem autonomia como se fosse com transporte próprio. A ida e volta, exclusivamente, de ônibus para este passeio bate e volta não é recomendável, principalmente num final de semana de dois dias. Trem e ônibus podem ser usados alternadamente como ida e/ou volta.

A divisão de custos com uma van, pode levar grupos de até 10 pessoas a um passeio de dois dias bem interessante.

Um dia só é para Bicame de Pedra, Catas Altas e Santuário, é muito corrido. Com dois dias, é possível incluir visita a sítios arqueológicos na região.

Cuidados

  • Não ande sozinho em região de serras e caminhos rusticos;
  • Não vá em trilhas desconhecidas sem um guia;
  • Leve líquidos e alimentação leve;
  • Não leve animais de estimação e nem crianças para caminhadas;
  • Não desvie das trilhas e caminhos determinados;
  • A região é carente de recursos de atendimento e infraestrutura, encontrados na Grande BH.

 

Para atrações em Catas Altas, o post de Passeio Bate e Volta (9) informa sobre Santuário, cachoeiras e Igrejas.

 

Imagem: Descubra Minas (SENAC)

Pedido de Doação

Meu irmão está precisando de doadores de sangue (qualquer tipo e fator). Só assim, ele e muitos outros pacientes que precisam de sangue para transfusão ou de hemoderivados, conseguirão prosseguir com seus tratamentos. E poderão ter a esperança de uma melhoria e retomada da normalidade em suas vidas.

#DoeSangue

Carlos Henrique de Oliveira (paciente do Hospital Mater Dei)

Hemoter – Banco de Sangue

Hemoter recebe doações para pacientes que estão internados em diversos hospitais. A doação pode ser realizada para paciente específico ou voluntário para o banco de sangue.

Horário: 8h às 13h, segunda-feira a sábado (sábado, somente com agendamento prévio pelo telefone).

Endereço: Rua Juiz de Fora, 861, Barro Preto – Belo Horizonte.

Telefone: (31) 3295-4584

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.