Tesla Roadster

Tesla, 100 anos depois

Nikola Tesla

Pode pesquisar em qualquer faculdade brasileira. Mostrem uma ficha com nomes de cientistas. Por exemplo, Einstein, Thomas Edison, Gutemberg, Leonardo Da Vinci e Tesla. O sérvio-austro-croata ficará em último lugar e se houver alguma pergunta sobre o que cada um fez, raros saberão dizer sobre o que fez Tesla.

Nascido em Smiljan (Império Austríaco) em 1856, atuou em áreas que se desenvolveram magnificamente ao final do século XIX, como a engenharia e eletrotécnica. Mudou-se para os EUA e travou uma batalha inglória com Thomas Edison, o queridinho dos capitalistas daquele país. Morreu pobre e no ostracismo. Mas como diz aquele ditado… um dia a verdade aparece.

Tesla Visionário

Tesla era O CARA (para falar uma gíria atual). No início do Século XX, falava de algumas coisas que os tradicionalistas e pensadores de caixinha de leite UHT desdenhavam.

Fez muitas previsões mas hoje, 100 anos depois, estão aí, prontas para quem quiser questionar. E não tem Muito o que dizer sobre “é uma interpretação”, como fazem com as profecias de Nostradamus. É ler e ver se confere com o real hoje.

Wi-Fi

Embora o Tesla possa ter tido contato com algum mineiro (meus conterrâneos), dizem que ele previu o Wi-Fi (tem sentido mas UAI FI nós mineiros inventamos muito antes). Tesla escreveu, após Marconi colocar o telégrafo funcionando, que ” … um dia, será possível transmitir sinais telefônicos, documentos, arquivos musicais e vídeos em todo mundo usando a tecnologia sem fio …”.

Celulares

Em uma entrevista à revista americana Colliers, em 1926, tesla disse que desenvolvia uma ideia usando uma tecnologia capaz de transmitir imagens, músicas e até vídeos para o mundo todo, cunhando a expressão, “a tecnologia de bolso”. Os smartphones de hoje fazem tudo que ele disse cem anos atrás.

Drone

Em 1898, cento de dez anos atrás, Tesla fez uma demonstração – não foi ideia – de um aparato “autômato”, sem fios, controlado de forma remota. Antes de qualquer registro sobre desenvolvimento da comunicação sem fio e da robótica.

Os espectadores do experimento acharam que ele tinha colocado algum miquinho adestrado para fazer o artefato funcionar. Dá até vontade de entrar numa máquina do tempo, voltar lá e detonar aquele povinho.

Aviões Velozes

Tesla imaginou que a energia sem fio poderia ajudar na propulsão das máquinas voadoras (aviões) e que os dirigíveis (o must da época) teriam suas limitações superadas por máquinas sem combustível (ele imagina que motores elétricos substituiriam o combustível fóssil (aí ele começou a errar… brigou com Edison e contrariou petroleiras e indústria automobilística).

A previsão de que poderia-se viajar de Nova York até a Europa em poucas horas, é real. Sua previsão de aeronaves comerciais elétricas não se concretizou. Afinal os grandes fabricantes de turbinas precisam manter o consumo de querosene.

Empoderamento Feminino

Ainda em 1926, a revista Colliers fez publicar matéria com o título “Quando uma mulher é chefe”.  Lógico que ele não utilizou o termo empoderamento pois isto é coisa de moderninhos que não estudam corretamente. Tesla afirmou, talvez com outras palavras, que as mulheres usariam a tal tecnologia sem fio para obterem melhor educação, melhores trabalhos e dominarem em muitos setores.

Talvez seja precipitado dizer que o tal empoderamento se deveu à tecnologia sem fio, entretanto, o fato de que grandes corporações, no mundo inteiro, sejam comandadas por mulheres é um sinal de que aqueles que pensavam muitos anos atrás de forma equivocada, sobre o papel das mulheres, falharam miseravelmente.

Tesla Roadster

Tesla faleceu em em 7 de janeiro de 1943, em plena Segunda Grande Guerra, em Nova York (EUA). Deixou um grande legado do qual ficaria orgulhoso. Um grande investidor resolveu resgatar as teorias de Tesla (a que mais adoro é sobre aproveitamento de energia alternativa) e criou o carro TESLA. Este carro foi descontinuado em 2011.

Em 6 de fevereiro, este mesmo empreendedor americano, Elon Musk, concretizou Outro projeto megalomaníaco. Elon Musk é visionário, resgatou as teorias de Tesla e se propõs a fazer algo que ninguém tinha feito. Como se não bastasse, pegou um Tesla Roadster colocou dentro de um foguete e mandou para Marte.

Disruptura

Um termo que Tesla não teve a ideia de falar é Disruptura. Mas ele era, em essência, disruptivo. Assim como Elon Musk.

O que impressiona,. negativamente, é quando citamos estes fatos, previstos 100 anos atrás e reais hoje, quando comentamos séries como Black Mirror com algumas pessoas e estas se comportam como ímpios. Infiéis e incrédulos, somente porque não leram nada, e não ouviram nada no Jornal Nacional ou dito pelo Willian Bonner. Mas acreditam em Big Brother Brasil.

Em ano eleitoral, não sabem nem que estão indo para o matadouro, enquando um Tesla vai circular no Planeta Marte.

Pitaco Final: O carro é SENSACIONAL !

 

Imagem: Tesla/Divulgação

Pedido de Doação

Meu irmão está precisando de doadores de sangue (qualquer tipo e fator). Só assim, ele e muitos outros pacientes que precisam de sangue para transfusão ou de hemoderivados, conseguirão prosseguir com seus tratamentos. E poderão ter a esperança de uma melhoria e retomada da normalidade em suas vidas.

#DoeSangue

Carlos Henrique de Oliveira (paciente do Hospital Mater Dei)

Hemoter – Banco de Sangue

Hemoter recebe doações para pacientes que estão internados em diversos hospitais. A doação pode ser realizada para paciente específico ou voluntário para o banco de sangue.

Horário: 8h às 13h, segunda-feira a sábado (sábado, somente com agendamento prévio pelo telefone).

Endereço: Rua Juiz de Fora, 861, Barro Preto – Belo Horizonte.

Telefone: (31) 3295-4584

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.