O Professor Estrategista

O Professor Estrategista

El profesor

Em La Casa de Papel, um professor estrategista é o personagem principal. Uma série de televisão espanhola (original Netflix) que nada mais é do que um longa metragem dividido. Até agora, foram duas partes e, cada episódio, não tem nome. A princípio, parece uma série que teve um piloto ou temporada de sucesso, ganha patrocinadores e financiadores e estica.

Assim como em outras séries similares, deram uma enrolada (algumas passagens ficam num vai e vêm infinito) e esticaram (tem gente que adora enrolação !). Após a segunda temporada (não vou fazer spoiler !) decidiram confirmar uma terceira para 2019.

Gostei da série, provavelmente porque vi a primeira e a segunda parte numa maratona. Um final de semana e pronto. Agora estou revendo a primeira parte com a minha esposa, que não aguenta mais de dois episódios seguidos.

De forma geral, gostei do enredo, da trama, das interpretações. Fiquei apaixonado com os mecanismos e a lógica de uma política evolucionária por trás das ideias do professor estrategista. Entretanto, vi duas ou tês críticas que não entendem que tem viés político. Em um post, ainda inédito, logo após assistir toda a primeira parte, que será liberado posteriormente, abordo questões geopolíticas e sociais que Identifiquei.

Esta série não faz parte das minhas dez séries preferidas. Nem tampouco está entre as que reputo como as cinco melhores de ação. Entretanto, recomendo muito, apenas como diversão e reflexão sobre gestão de conflitos e problemas.

O Professor Estrategista

Venho escrevendo muitos posts sobre as séries que vejo, assim como faço com livros que leio. No caso de livos,filmes e séries publicados em épocas remotas, tento fazer uma livre transliteração para os dias atuais. No caso de “La Casa de Papel”, não precisa, o tema é atual e, por isso, pode ter angariado esta legião de fãs.

O professor estrategista é relacionado a temas como política, genialidade, ética, moral, economia e outros. O surpreendente é que a maioria das pessoas que converso sobre a série, veem somente como passatempo. Não conseguem contextualizar, por exemplo, com a questão política=econômica vivida pela população da Espanha na zona do Euro, pouco tempo atrás.

O professor estrategista tem que ser como um samurai, ainda mais se pretende ser um amante dos planos que dão certo. Sempre pensando em planos arquitetados com cuidados essenciais aos bons resultados. É daqueles caras que elucidam tudo antes, inclusive os imprevistos e emergências. A alta de planejamento é o mal que aflige 9 entre 10 “Empreendedores Despreparados“.

Lições do Professor

Um professor estrategista sabe como usar analogias e como usar a sabedoria dos grandes planejadores. Com o personagem não é diferente, méritos para o autor e roteirista. Entretanto, a série tem muitas falhas ou micos. Cada pessoas que assiste à série tem seus motivos para ver problemas. Eu outro post, abordei a questão dos”micos” da série, e alguns deles são falhas incríveis e, dessa maneira colocam em xeque o produto final.

Mas falemos de algumas “lições” que depreendemos da série.

Planejamento

Virou moda falar de planejamento. A palavra e a ação estão vilipendiadas. Basta o cara decorar uns trechos de livros, fazer umas provas de certificação e voilá, temos um especialista. Entretanto, executar que é bom, nada. Planejamento sem capacitação dos que executarão, daqueles que sabem o que fazer, é o mesmo que nada.

O professor estrategista pensou nos detalhes, não apenas num plano geral perfeito, mas até no detalhamento  da execução. Dentre outras, a atividade da montagem da equipe, os procedimentos-padrão dos “inimigos” e a capacitação da equipe são fundamentais.

Fica a lição !

Contingência

Qualquer planejamento tem que ser feito nos detalhes, tem que ter alternativas (Plano B) e tem que prever contingências. É necessário, desse modo, que até as improvisações sejam realizadas a partir de habilidade, conhecimento, destreza, capacitação e domínio das técnicas inerentes ao projeto.

Pode parecer sem ligação mas são atributos nos quais o professor estrategista se baseou para monta seu plano. Embora muitas situações sejam pouco factíveis, o que é compreensível numa ficção, outras tantas se mostraram bastante apropriadas e fundamentadas.

Continuação

Continuarei a usar estes enredos e episódios para tentar mostrar alguma além do simples lazer ou passatempo.

Os ensinamentos do professor estrategista são instigantes e pedagógicos. Certamente não pelo motivo de planejar assaltos, mas para pensar sobre estas questões em nossas atividades cotidianas.

Como no xadrez, há vezes em que, para ganhar, é preciso sacrificar uma peça “.

Professor Estrategista em “La Casa de Papel”

 

Imagem: Reprodução Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.