Flordelis Pr Anderson - Reprodução Instagram

Flordelis não é uma flor que se cheire

Flor-de-Lis

Em primeiro lugar, que fiquei bem claro que minha opinião de que misturar política, futebol e religião não resulta em boas coisas. E não poderia ser diferente com as notícias da tal Flordelis, que deveria ser Flor-de-lis, pela pronúncia daquela que se apresenta como salvadora.

A história da referência à Flor de Lis tem tudo a ver com a estultice de gente humilde que houve estes pregadores de púlpito enganadores e saem colocando nomes nos filhos. Esta Flordelis das páginas policiais não foge à regra, e conseguiu ser eleita numa carreira política baseada no “sucesso” de sua carreira como evangélica.

A Flor de Lis, conforme bem descrito no Wikipedia ( Flor-de-Lis )   em todas as suas acepções e nuances justifica a atribuição do nome pela Dona Calmozina, epicurista e hedonista “raiz”.

Flordelis

Como se não bastasse a pouca clarividência de Dona Calmozina ao escolher o nome de sua filha, com toda a certeza ela estaria arrependida se soubesse que criou uma pessoa sem nenhum escrúpulo. Esta que está deputada federal, por obra e graça de muita enganação e tretas, não é o que nenhuma mãe deseja para uma filha ou filho.

A mulher é o “cão” chupando manga, faz tudo de forma arquitetada, planejada, e sem pensar em mais ninguém, é a representação cuspida e escarrada do hedonismo de gerações anteriores ( explicado em A Geração do Hedonismo Oco ). Desse modo, justifica-se meu temor e medo do que estes pregadores de púlpito e fanáticos podem fazer quando entram para a política.

Flordelis evangélica

Esta  demoníaca que se diz evangélica pregou contra o homossexualismo, arrastou multidões para seus cultos com músicas que venderam muito. Como se não bastasse, representou a Teologia da Prosperidade e teve espaço e apoio eleitoral em rádios evangélicas. Protagonizou o filme “Flor de Lis – Basta uma palavra para mudar” com utilização de atores globais, que “doaram” seus cachês para as “obras sociais”.

Por outro lado, depois de ser acusada de assassinato e, anteriormente, processada como sequestradora, usa a mídia para pedir compreensão de seus “nobres colegas”. E vemos grupos de evangélicos dizendo que ela não é evangélica; ora… ora… ora… se ela fez o que fez, e sendo eleita por evangélicos, não é, quem será?

PAREM !

Por isso, reproduzo frase que li numa destas redes sociais que não identifiquei autoria.

Parem, mas parem mesmo, de dizer que ela não representa a igreja evangélica. Ela é a própria figura da igreja evangélica brasileira.
Até onde foi conveniente, ela nunca foi criticada pela igreja evangélica que, deu voz, deu espaço, deu oferta, dinheiro, visibilidade e cargo político para ela“.

Só digo que toda vez que algum religioso (e vale para futebol etc) tem sua máscara rasgada, e aparece o argumento de “… ele(a) não nos representa …” só reafirmo minhas convicções.

Para vocês tenho somente um pequeno excerto da Bíblia:

Hipócrita - Mateus 7:5

Hipócrita – Mateus 7:5

 

Hipocrisia e Hedonismo

Certamente, não passa pela minha cabeça pedir que evangélicos tenham decência e honestidade, muito menos autocrítica, o que cada um faz com sua fé não é da minha conta.

Entretanto, não apontem estes dedinhos sujos na direção dos outros, sejam eles católicos, agnósticos, ateus, ímpios ou o que seja.

Assim sendo, não quero dar nenhum conselho para ninguém que seja evangélico, vocês devem somente largar de serem hipócritas. Esta Flordelis é mais uma de vocês; e o atraso em que o país está se metendo tem tudo a ver com Damares e outras “personalidades” evangélicas.

Estes representantes seus são arrogantes, ignorantes, violentos, intolerantes e representam o lixo que temos na política do país.

Enfim, só pensem no que escrevo e na hipótese de que se fosse uma mãe-de-santo a matar o marido e transar com filhos adotivos ou até os adotados ilegalmente, o que vocês fariam com o “Terreiro” dela.

Portanto, quem leu até aqui, não precisa vestir a carapuça e nem se declarar. Atacar a mim é inútil, estou vacinado contra estupidez e gente que mistura editorias e tem dedinho sujo para os outros.

Sigam em paz, mas larguem de ser hipócritas e canalhas como a tal Flordelis que não se cheira.

P. S. E pensar que até escoteiros usam a Flor-de-Lis como símbolo, é pra desistir …

 

Imagem: Reprodução Instagram

Nota do Autor

Reitero, dentre outras, o pedido feito em muitos textos deste blog e presente na página de “Advertências“.

  • Observações, sugestões, indicações de erro e outros, uma vez que tenham o propósito de melhorar o conteúdo, são bem vindas.
  • Coloquem aqui, nos comentários ou na página do Facebook, associada a este Blog, certamente serão todos lidos e avaliados.
  • Alguns textos são revisados, outros apresentam erros (inclusive ortográficos) e que vão sendo corrigidos à medida que tornam-se erros graves (inclusive históricos).
  • Algumas passagens e citações podem parecer estranhas mas fazem parte ou referenciam-se a textos ainda inéditos.

Agradeço a compreensão de todos e compreendo os que acham que escrevo coisas difíceis de entender, é parte do “jogo”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.