Bio – Evandro Oliveira


Evandro_Rabisk

Evandro Oliveira

BIO

Evandro Luiz de Oliveira, filho de Luzia Fagundes de Oliveira e Afrânio Gonçalves de Oliveira (falecido), nascido em Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. Casado, pai de dois filhos (Bruno e André), este último casado e que trouxe uma nora que considero filha adotiva. Por outro lado, costumo dizer que em 2020 tenho 18 anos de idade, com 42 de experiência.

Certamente, tenho predileção por esportes e como lazer e hobbies dedica-se a atuar com futebol, automobilismo, fotografia, política e assuntos aleatórios etc.

Lições de Vida

Portanto, cheguei à idade em que as ideias ficam mais claras e adotei algumas ideias. Ultrapassei os 60, estou mais próximo dos 80, e resolvi expressar o que acho significativo.

  1. Aprendi, com muito esforço, que dos preceitos do guerreiro samurai, a HONRA é o que mais importa.
  2. Depois de amar meus pais, meus filhos, minha esposa e meus amigos, com toda a certeza resolvi me amar;
  3. Percebi que não o deus Atlas, portanto, o mundo não repousa sobre meus ombros;
  4. Nunca negociei centavos com vendedores de verduras e frutas e prestadores de serviços, eles precisam e não vai mudar minha vida;
  5. Analogamente, dou gorjetas e arredondo serviços como táxi, garçons etc. eles trabalham duro e merecem (alguns não !);
  6. A princípio, nunca cortei narrativas repetidas dos mais velhos, seguirei assim na expectativa de dar exemplo para os mais novos;
  7. Por outro lado, não aprendi a ficar calado e deixar de corrigir as pessoas quando vejo que estão erradas, grave defeito;
  8. Outrossim, tenho parcela de responsabilidade na “perfeição” das pessoas que gosto e o meu silêncio não ajuda ninguém;
  9. Não sou dado a sorrisos democráticos e elogios hipócritas, certamente são mais prejudiciais do que a sinceridade;
  10. Aprendi a não andar conforme a moda ou aparências, minha personalidade deve se sobrepor a “manchas” e “rótulos”;
  11. Fico longe de pessoas que não me valorizam, eles não sabem dos meus valores, mas eu, certamente, sei;
  12. Fico indignado quando alguém faz política suja, entretanto não participo da “corrida” que estes ratos promovem;
  13. Ainda estou aprendendo a não ter vergonha das minhas emoções, elas me tornam muito mais humano;
  14. A briga entre o ego e um relacionamento vai se manter ativa, até que egos se relacionem de forma equilibrada;
  15. Aprendi a viver cada dia como se fosse o último, se bem que, pode ser mesmo;
  16. Estou aprendendo a fazer o que me deixa feliz, uma vez que sou o único responsável pela minha felicidade.

 

Referências

Graduado em Administração de Empresas, com atuação em áreas de RH, Marketing, Planejamento e Gestão Estratégica.

Pós-Graduado (MsC) em Administração Pública e Tecnologias da Informação, com ênfase em Segurança de Redes do Setor Público.

Professor de disciplinas vinculadas aos cursos de Administração, Computação, Ciência da Informação. E de disciplinas de tecnologia, gestão, administração em cursos de Ciências Exatas e Sociais.

Consultor independente em Projetos de TI, Desenvolvimento Organizacional, Empreendedorismo, Certificação Digital (criptografia, blockchain), Sistemas de Segurança de TI, Marketing Digital, Redes de Computadores.

Especialista e Consultor na Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil)

Palestrante e Conferencista.

 

Curiosidades

Evandro, na mitologia grega, era filho de Hermes com uma ninfa, filha do deus-rio Ladon.

Natural da grega Arcádia, mais exatamente da cidade de Pallantium, Evandro e um grupo de árcades instalaram-se à margem do Tibre, na colina do Palatino, uma das sete colinas de Roma.

Ensinou aos “ainda bárbaros da região” a arte, a escrita, a música e tudo aquilo que para o ideal grego era útil e necessário.

Introduziu na região do Lácio germes da religião grega, os cultos a Ceres, a Netuno e a Pã.

Fonte: Wikipedia.

Evandro Oliveira no Linkedin

Evandro Oliveira via e-mailcontato at evandrooliveira.pro.br

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.