Meia-Verdade e os paneleiros

Do ódio gerado por uma meia-verdade

Meia-Verdade Tupiniquim

Verdades e mentiras são significativamente dependentes de pontos de vista que muitas vezes podem ser válidos e opostos. Meias-Verdades são perigosas, nunca se sabe se estamos vendo, ouvindo ou lendo a metade verdade ou a metade mentira. Certamente toda meia-verdade é uma mentira e em Pindorama, qualquer coisa é uma meia-verdade ou uma “jabuticaba”.

É provável que a frase aqui reproduzida (não sei a autoria) seja quase perfeita …

“Grande parte dos indignados com a corrupção no Brasil odeia o PT, os petistas e o ´petismo` pelas suas qualidades. Eu diria que QUASE TODOS os indignados com a corrupção odeia o PT e seus representantes, pelas suas QUALIDADES e não pelos DEFEITOS.

Se o ódio fosse pelos defeitos, seria compreensível. Tiraram o PT do poder na esfera federal e deram poder aos golpistas com defeitos piores. Quando gritavam “primeira ela, depois os outros …”

Pensamento Definitivo

Desse modo, a postagem de um amigo, no Facebook, se não é definitivo, é lapidar, quase nada restou a se acrescentar.

O ódio devotado a Lula e a disposição de destruir sua imagem, com a manipulação sistemática da 
informação e o atropelo do Estado de Direito, é mais uma manifestação da degradação moral e do 
viralatismo da plutocracia brasileira e dos zumbis Globo-Veja de parte da classe média, esnobe 
e ignorante. 
Lula é a liderança política brasileira mais respeitada no exterior, pelas políticas de inclusão 
que desenvolveu em seu governo e pela afirmação de um protagonismo do país no cenário global 
jamais alcançado antes. Era, também, a expressão mais saliente do que parecia ser o alcance da 
democracia brasileira, capaz de absorver uma liderança egressa do povo e encaminhar um processo, 
compartilhado e amplo, de superação das iniquidades seculares da estrutura social do país, ainda 
que, e por isto mesmo, de forma mais lenta e menos intensa do que muitos na esquerda aspiravam.
Mas a plutocracia e os zumbis amam a subalternidade e desprezam a democracia. Não se importam 
com a destruição de empresas brasileiras e a entrega das riquezas do país a interesses forâneos, 
aplaudem ações judiciais que atentam contra o direito, desde que sirvam à destruição de Lula, e 
aspiram extirpar da consciência nacional o que deveria ser incensado como um dos grandes símbolos 
de um Brasil que buscava ser um pouco mais justo, soberano e democrático. 
Os de fora não conseguem, com razão, entender tal patologia autodestrutiva.

Ignácio Delgado

Enquanto isto

Por outro lado, a realidade é que precisavam tirar a presidenta Dilma;  e, portanto, tinham que entronizar um serviçal que comete os crimes até piores, e estes golpistas vivem da meia-verdade, desde a República Velha. A cada novo ministro anunciado pelo governo golpista, um crime diferente uma meia-verdade ou, certamente, mentira completa. Não satisfeitos com as virtudes do PT, geraram o ódio e elevaram os defeitos dos golpistas. Queriam a corrupção só para eles e desse modo,  somos “brindados” com vídeos e frases do tal MBL como se tivessem mudado o país.

Portanto, diz o sábio que cada um dá o que tem, e aqueles que tem ódio e tratam os outros com ódio, como no caso de preconceitos raciais e sociais, não teve educação suficiente para saber o que é o amor. Apoiadores de golpistas, disseminadores de meia-verdades são, em essência, preconceituosos e rancorosos.

Meia-Verdade ou Mentiras ?

Da série: “Algumas verdades sem inocência sobre a crise” ou como uma meia-verdade, repetida menos de mil vezes vira verdade dentro de cabeças ocas.

Alguns rancorosos e proselitistas dizem:

    • O PT piorou o Brasil ! ” ( apesar de chegarmos a 7a economia do mundo );
    • O PT quebrou o Brasil ! ” ( apesar de termos saído das mãos do FMI );
    • O PT destruiu a minha vida !” ( depois que comprou casa e carro financiados pela Caixa );
    • Nunca teve tanto desemprego na era PT !” ( apesar dos 4,8% de desemprego [INÉDITO NO PAÍS] de novembro de 2014 – momento onde nasceu o Golpe );
    • A miséria aumentou com o PT !” ( apesar de termos saído do Mapa da Fome Mundial).

Ódio

Claro que as fontes de informação são todas suspeitas. Poucos se importam em buscar fontes fidedignas. Preocupam-se em divulgar versões de sites pouco confiáveis, desde que agrade suas convicções. Cada um deste malfadado Fla-Flu iniciado pelos perdedores das eleições de 2014 quer provar que perderam e não tem caráter. O que tem feito a editora Abril é abominável. As edições feitas em entrevistas e trechos de vídeo vazados propositalmente em noticiários da TV é cruel e desumano. E a patuleia aplaudindo faz das frases de Pulitzer e Malcolm X nossa realidade de propagação de ódio da mídia.

Em suma, restou trabalhar contra aquilo que o PT tinha de virtude, propagando o ódio. Encontraram nos apoiadores de perdedores campo fértil. A Previdência, por exemplo, tem bilhões a receber de sonegadores e os déspotas vão encaminhar a tunga da concessionária de telefonia privatizada chamada OI. O governo perdoa dívida de um único banco que é dezenas de vezes superior ao caso do “Petrolão”. Eles só tem isto para oferecer: Propugnar e disseminar o ódio ( ô palavrinha maldita ! ).

Déspotas e a Meia-Verdade

Desta forma, estes agentes do ódio nas redes sociais não se conformam com alguém que não teve a instrução formal que eles tiveram, ter feito algo que os ídolos deles nunca fizeram, mesmo roubando mais e com maior acinte. Por este senhor de 70 anos, livrou os escravos deles da senzala social em que viviam, isto é “imperdoável”.

Estes aprendizes de déspotas, quase todos, viviam do oferecimento de caridade; não suportaram ver os porteiros, ajudantes gerais e afins, terem filhos na mesma faculdade ou viajarem de avião na mesma classe que eles. Somente por isso eles destilam ódio (especialmente nas redes sociais e anonimamente) e reproduzem as revistas dos barões donos de capitanias hereditárias. Maquiavel ainda vive na pele de seus  maniqueístas aprendizes.

O Brasil vive, de fato e de direito, da Rés Pública, de falácia e de uma meia-verdade, desde Floriano ( Rés Pública – De Floriano a Temer ).

Enfim, é como disse outro reputado conhecido de ideias cristalinas:

O jogo é mesmo bruto. Se nada extremamente inesperado acontecer (tipo descida de Cristo, invasão alienígena ou nova peste negra), é certo o expurgo de Lula da disputa de 2018, assim como também podemos contar com o linchamento definitivo do que tenha sido um dia virtude moral do PT.”

 

(*) Originalmente publicado em 22mai17. Atualizado e republicado em 22jul17.

 

Imagem: Reprodução Twitter

Nota do Autor

Reitero, dentre outras, o pedido feito em muitos textos deste blog e presente na página de “Advertências“.

  • Observações, sugestões, indicações de erro e outros, uma vez que tenham o propósito de melhorar o conteúdo, são bem vindas.
  • Coloquem aqui, nos comentários ou na página do Facebook, associada a este Blog, certamente serão todos lidos e avaliados.
  • Alguns textos são revisados, outros apresentam erros (inclusive ortográficos) e que vão sendo corrigidos à medida que tornam-se erros graves (inclusive históricos).
  • Algumas passagens e citações podem parecer estranhas mas fazem parte ou referem-se a textos ainda inéditos.

Agradeço a compreensão de todos e compreendo os que acham que escrevo coisas difíceis de entender, é parte do “jogo”.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.