Ética Protestante - W. Kozak

Ética Protestante, Unções e Otimismo

Página de Pessimismo

Em primeiro lugar, reitero que este texto não é aconselhável para evangélicos, evangélicos com titulação acadêmica e congêneres. Afirmo que vocês não estão preparados para ler além desta linha/parágrafo. Aqui vou falar sobre algo que não é costume pois usarei uma citação de Stephen Kanitz, conferencista e mestre em Harvard ( quem diria, hein ? ). Surpreendentemente, ele escreveu ” O crescimento das igrejas evangélicas, hoje maioria, está introduzindo a ética protestante de trabalho e honestidade.” quando apresentou um dodecálogo do otimismo numa rede social.

Eu não havia visto o texto de Kanitz mas fui “provocado” por um amigo que contrapôs texto recente que escrevi com as frases do mestre ( #QueFASE hein Harvard ! ). Esse texto é, de uma forma ou de outra, uma resposta a outros cidadãos de redes sociais que ficam buscando “erros” no que escrevo. Os pobres coitados, cansados de reproduzirem frases dos outros buscam apontar seus dedinhos imundos para o que escrevi como “prova” de alguma coisa.

Esta minha página não é de pessimismo, em outras palavras é de um realismo extremo, que não consegue se contrapor ao “otimismo” que alguns disseminam.

Falta de Ética Protestante

Desde que resolvi escrever sobre religião e evangélicos, a receptividade tem sido tóxica, por exemplo no texto sobre a Flordelis ( Flordelis não é uma flor que se cheire ), a manifestação majoritária que vi nas redes sociais é de que “… ela não é evangélica …”. Seria alguma tentativa de excluí-la da corja que tomou o país de assalto e que, desse modo, o Kanitz dá a entender que é esta a ética protestante de trabalho e honestidade?

Nesse ínterim, vejo notícias que suscitariam prisão dos atores em qualquer país do mundo, aliás, de uns tempos pra cá, vários textos fatos estão se notabilizando em Pindorama. Depois que a maluca da Damares ( aquela que conversa com Jesus na goiabeira ) tornou-se ministra imexível, os absurdos tem sido imensos.

Vamos a três notícias que levarão os evangélicos a se posicionarem como negacionistas legítimos que são, ou a se calarem de maneira obsequiosa. Como se não bastasse, estarão nos grupinhos de redes sociais urdindo e conspirando, coisas que sabem fazer muito bem, afinal o guru que os motiva tá no poder.

Bispa Sônia

Bispa Sônia foi a primeira pessoa que me impressionou pela oratória, se bem que lembro-me das madrugadas nos idos da década de 1980 e sua fala inebriante. É a mesma que teve processo nos EUA, tungou dinheiro do ex-jogador Kaká e está no Brasil prosseguindo na sua saga. Em vídeo desenterrado por algum canal antievangélico do Youtube, a Bispa pede que seus seguidores fiéis que não tiverem dinheiro para o dízimo, peçam empréstimo. Desse modo, igrejas que se locupletam do Estado, do seu imposto, de remissões infinitas, ainda espoliam criminosamente pessoas ignorantes e crentes.

Tornozeleira Ungida

Um disseminador de fake news a serviço do atual presidente da república e seu séquito foi preso, o nome do meliante digital é Oswaldo Eustáquio. Até então, nada de novo, a não ser algum deles estar preso, mas deve haver alguma passagem que diz sobre imolação e oferendas para a salvação. Como se não bastasse, o blogueiro postou no seu Twitter, com bandeira do Brasil sobre os ombros, imagem com o pastor ungindo sua tornozeleira eletrônica.

Pastor Unge tornozeleira - Reprodução Twitter

Pastor Unge tornozeleira – Reprodução Twitter

A frase publicada diz muito sobre a tal ética protestante, trabalho, honestidade, nem que seja separadamente e em momentos diferentes. Ele escreveu: “… Jeová Nissi. Essa é a minha bandeira. Deus levantou um homem de coragem para decretar a justiça divina. Começou a contagem regressiva. Os inimigos vão tremer. ASCOM OE …”. fico preocupado se começo a tremer, se as profecias de Kanitz para a década se confirmarão, se estarei vivo ante a pandemia e o genocídio em curso. E o pastor ungindo tornozeleira com o propósito de mostrar seus pendores, bem que podia usar uma como a Flordelis.

Museu da Bíblia

Da mesma forma. outra notícia dos últimos dias diz respeito à máxima realização da Ministra Damares e do GDF ( GDF e evangélicos são um caso à parte ). A criação do Museu Nacional da Bíblia que consumirá mais de R$26 milhões dos cofres públicos. Quando pergunto a evangélicos que conheço sobre o que pensam disso recebo somente uma resposta: ” e o PT, hein ? “. Quedo-me vencido, não sei o que dizer sobre o PT e este assunto de fazer um Museu com esta temática quando espaços culturais de negros, índios e outros históricos estão sendo dizimados. O Museu Nacional destruído por um incêndio tem alguma verba desta natureza ou emendas parlamentares?

Ética Protestante

Desse modo, este pequeno texto não pretende usar de falácias como as que usa Kenitz ( Apelo à Autoridade é uma que, inegavelmente,  identifiquei ). Vejo evangélicos e quejandos apontando dedinho pra mim sobre o que escrevo e vomitando que quero ser dono da verdade, em várias editorias. Abomino o “Apelo à Autoridade” ou “carteirada”, notadamente quando é implícito pois revela um caráter aético grave.

Coloquei no parágrafo anterior três fatos recentes que inopinadamente, IMNSHO, apresentam refutação consistente à frase infeliz de Kanitz. Portanto, escrevi somente três para não ser acusado de ” generalização apressada ” (outra falácia muito comum em tempos de redes sociais repletas de estultos).

A estes pontos que apresento, ressalto que não sou desafeto de fulano A ou B, atuo conforme a filosofia oriental no campo das ideias, às vezes das coisas e raramente no embate com pessoas. Se desço ao reles nível de falar das pessoas é porque não resta outra alternativa para demonstrar como funcionam ideias e coisas.

Maktub e CQD

Em vários posts rasteiros tenho escrito CQD e MAKTUB que deveriam resumir o que penso, desse modo, fica a sugestão para que tentem ler mais e escrever menos bobagens em redes sociais. É inútil ficar procurando erros de forma naquilo que escrevo, tentem observar o conteúdo, pode ser um alimento para a preguiça mental que vocês carregam. Com toda a certeza, perdi a paciência com pessoas que tem preguiça mental e querem descrição clara de tudo relativo às coisas e ideias.

Kanitz terá seus 12 pontos de predição e futurologia de 2020 a 2029 dissecados um a um, agradeço ao Professor que me indicou o texto e avalio que foi ótima fonte de inspiração.

Recomendo a Kanitz uma leitura básica no Wikipedia sobre “Ética Protestante do Trabalho“; e que não apague o item 10 de seu dodecálogo, pois você vilipendia a teoria da ética protestante incluindo evangélicos brasileiros na sua ideia de pessimismo x otimismo e o futuro.

Erros e Acertos

Em suma, este Blog tem textos para todos os gostos, alguns textos são péssimos e cheios de erros, já retirei mais de uma centena para revisão. Como descrevo em “Notas do Autor“, ao final de cada texto, ajudaria muito mais o debate a troca de ideias, como também as correções dos erros que persistem.

Erros e acertos fazem parte da incapacidade de prever o futuro, opinião não se confunde com fatos. Contudo, se coloco algum fato que não aconteceu, cabe a reprimenda; se coloco uma opinião não apontem um dedinho sujo se a sua opinião é copiada e diferente. É provável que áulicos e integrantes da servidão voluntária consigam ler e se manifestarão, duvido muito, mas a primeira acusação será: ” você não entendeu o que escreveu Kanitz…”; só digo uma coisa: estou vacinado !

#FicaaDICA.

 

É VERDADE

Espaço destinado a verdades em Pindorama que se contar, ninguém acredita e, provavelmente, não serão notícias boas. Será feita ao menos uma indicação por texto e, eventualmente, mais de uma poderá ser publicada.

 

Charge: W. Kozak

Nota do Autor

Reitero, dentre outras, o pedido feito em muitos textos deste blog e presente na página de “Advertências“.

  • Observações, sugestões, indicações de erro e outros, uma vez que tenham o propósito de melhorar o conteúdo, são bem vindas.
  • Coloquem aqui, nos comentários ou na página do Facebook, associada a este Blog, certamente serão todos lidos e avaliados.
  • Alguns textos são revisados, outros apresentam erros (inclusive ortográficos) e que vão sendo corrigidos à medida que tornam-se erros graves (inclusive históricos).
  • Algumas passagens e citações podem parecer estranhas mas fazem parte ou referem-se a textos ainda inéditos.

Agradeço a compreensão de todos e compreendo os que acham que escrevo coisas difíceis de entender, é parte do “jogo”.

 

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.